quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Perdendo Dentes (Pato Fu)

Me identifico com essa música!!!


Perdendo Dentes Pato Fu
Composição: John/Fernanda Takai
Pouco adiantou

Acender cigarro
Falar palavrão
Perder a razão
Eu quis ser eu mesmo

Eu quis ser alguém
Mas sou como os outros
Que não são ninguém
Acho que eu fico mesmo diferente

Quando eu falo tudo o que penso realmente
Mostro a todo mundo que eu não sei quem sou
Eu uso as palavras de um perdedor
As brigas que ganhei

Nem um troféu
Como lembrança
Pra casa eu levei
As brigas que perdi

Estas sim
Eu nunca esqueci
Eu nunca esqueci

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Como é bom aniversariar!!









Consigo me imaginar com os cabelos brancos e com a bengalinha encostando do lado,... e eu, ainda assim amando fazer aniversário!

Acho mágico ser lembrada pelos parceiros e amigos que participam da minha caminhada, no GRANDE dia! Sempre vou achar...

Consigo me ver velhinha, junto da grande família, soprando as velinhas (repito velinhas e não "velhinhas" essas serão bem vindas! rs)... amo muito tudo isso!

Este ano a princípio me achei meio desanimada, ligeira impressão - ainda bem! Foi tudo mágico no meu dia! Aliás nosso dia... pq já me acostumei a dividir "este dia" com a Val... diria hoje que não é divisão é uma somatória! rsrsrs...
Bom, em resumo ganhamos uma festona surpresa dos nossos "maninhos"... família reunida e pra lá de unida! É assim que foi e que somos! É bom demais!!!
Foi e é tudo tão intenso que é difícil encontrar palavras que traduzam o "estar" junto deles! Verdade que nem sempre é mil maravilhas, somos pessoas diferentes e vez ou outra, bem têm uns quebra pra lá e pra cá... mas a parte ruim é minúscula, diria até invisível quando medimos o amor e o carinho que temos um pelo outro... é isso! É amor!!!

Agradeço á DEUS e á todos os ORIXÁS pela família que tenho!
Agradeço á DEUS, aos Anjos e Santos por mais um ano de vida...
Ê QUE VIDA!!! Ê QUE MUNDO!
Quer prova? As fotos expressam bem... (risos)




sexta-feira, 20 de novembro de 2009

As coisas que se vive (especialmente pra Val)


É isso!!!

Ontem fomos comemorar o aniversário da "Neguinha". O bar escolhido muito casualmente foi o "Panela da Cecília" e os presentes de carteirinha no GRANDE evento: A Val, a Fê, Eu e o Gê (por pouco quase que Eu e o Cururu tivemos que comemorar sem a aniversariante, mas foi um detalhe! risos), e assim formamos o quarteto muito bem selecionado! Além de nós apareceu a Lua que iluminava e sorria pra nós! Noite quente e cerveja gelada no inicio e no finalzinho da noite... Ô coisa boa! É fato que no decorrer da noite não mais tão gelada, pois não vencia... Mas é bastante compreensível, alem do que nada impediu que tomássemos várias delas...

Descobri (graça as comemorações frustradas nos meus últimos aniversários), que neste dia o que realmente importa não é a quantidade de pessoas presentes, mas sim a sintonia dos que puderam estar presente! Hoje em dia é mais aceitável por mim, uma reunião de poucas pessoas e chamos-os de "selecionados e escolhidos" para participar dessa virada! Sendo assim, com pouca modéstia Eu, Gê e a Fê estávamos ali fazendo a linha de frente dos 3.0 da Val... Somos quem participamos desse dia, dessa mudança de fases, e a festa foi tão boa que o final da noite (ou inicio do dia - risos), a saideira "s" foi em outro Bar, o chamado Damião, e a foto escolhida para postar aqui foi desse último, pois sem dúvida, fechamos com chave de ouro! *Opa: Fechamos a noite, mas não as comemorações... (risos) para isso as portas e janelas estarão abertas durante todo o restante do mês (não é Val?)!

Neguinha, pra finalizar quero registrar aqui o quanto você é especial!!!
Este ano, não deu nem para deixar uma mensagem no "orkut" dizendo o quanto lhe quero bem, mas ainda há tempo e quero lhe agradecer por tudo que você é e representa no meu MUNDO!
Obrigada minha amiga de fé, irmã e camarada! Te amo!!!

Escolhi uma música em sua homenagem:

Le cose che vivi (Laura Pausini)
Tradução: As coisas que se vive

Quando a amizade atravessa o teu coração, deixa uma emoção que não te deixa
Não sei como te dizer, mas só acontece quando duas pessoas fazem juntas um vôo
Que nos leva no alto, alem dos outros, como fizessemos um salto na imensidade
E não tem distância, nunca tem
Não tem suficiente, se você já está dentro de mim, para sempre
Em qualquer lugar estarás, em qualquer lugar estarei
Entre as coisas que você vive eu para sempre viverei.
Em qualquer lugar estarás, nós nos encontraremos juntas

Abraçadas uma com a outra, alem do destino
Em qualquer estrada, em qualquer céu, e de qualquer jeito seja, nós não nos perderemos
Abre teus braços, me manda um sinal, não tenha medo que te acharei
Nunca estarás sozinha eu lá estarei
Prosseguindo o vôo, que me conduz dentro de ti para sempre

Em qualquer lugar estarás, em qualquer lugar estarei
Entre as coisas que você vive eu para sempre viverei

Em qualquer lugar estarás, não existirão limites, somente duas amigas mais próximas
Acredite em mim, não tenha nunca dúvidas
Todas as coisas que você vive se forem verdadeiras como nós
Eu sei, você sabe que nunca acabarão

Em qualquer lugar estarás, em qualquer lugar estarei
Entre as coisas que você vive eu para sempre viverei

Em qualquer lugar estarás, em qualquer lugar estarei
Se me procuras no coração, no teu coração viverei
Em qualquer lugar estarás, nós nos encontraremos juntas
Abraçadas uma com a outra, alem do destino

Em qualquer lugar estarás, em qualquer lugar estarei
Entre as coisas que você vive, eu para smpre viverei


domingo, 8 de novembro de 2009

Fora do ar

É assim que estou nos últimos dias... a causa é que tenho enfrentado problemas para acessar a internet e mais uma vez meu amigo Tempo têm contribuído para me deixar completamente assim: fora do ar.
Além disso, as idéias me deixam a ver navios... tem horas que me dá um aperto tão grande... a saudade gritando com vontade de escrever. Outros tempos a mistura de desanimos e frustrações tem me coagido a escrever...
Ruim postar coisas tristes. Queria mesmo era transcrever felicidade de frente e de lado! Todas as posições irradiando a tal... Peço demais? É provável que sim...
As coisas no meu mundo não estão fáceis não! Correria na facul, no trabalho, crises e crises... que não me sinto tão preparada no momento para descrevê-las... no entanto, por conta disso fogem as palavras... como se me faltasse sinceridade para postar.
Em resumo: Esquisita! É isso!! Tudo está esquisito! Eu estou esquisita... que palavra estranha essa! (risos)... mas eu estou estranha. Me sinto estranha em freiar minhas palavras. Pausá-las é estranho! Proibi-las também... E é isso que estou fazendo agora!
Se por conta do destino alguem ler essas linhas, perdõe. Não se esforce pra entender. Não há como! Nem eu mesma sou capaz! Considere apenas que eu, o blog... meu mundo inteiro ENCONTRA-SE COMPLETAMENTE FORA DO AR!!!!

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Amigos são como estradas...

Certos amigos são indispensáveis, simples como aquela estradinha de terra no interior, onde do alto da colina podemos avistá-la inteirinha, sabemos onde podemos ir e onde podemos chegar, são transparentes e confiáveis.
Outros, acabaram de chegar, como estradas que só conhecemos pelo Guia, e vamos nos aventurando sem saber muito bem seus limites, é um caminho desconhecido, mas que sempre vale a pena trilhar.
Tem amigos que lembram aquelas estradas vicinais, que pouco usamos, pouco vemos, mas sabemos que quando precisarmos, ela estará lá, poderemos passar e cortar caminho, mesmo distante, estão sempre em nossa memória.
Por certo, também existem amigos que infelizmente, lembram aquelas estradas maravilhosas, com pistas largas e asfalto sempre novo, mas que enganam o motorista, pois são cheias de curvas perigosas, e quando você menos espera... é traído pela confiança excessiva.
E existem amigos que são como aquelas estradas que desapareceram, não existem mais, mas que sempre ligam a nossa emoção até a saudade, saudade de uma paisagem, um pedaço daquela estrada, que deixou marcas profundas em nosso coração. Foram, mas ficaram impregnados em nossa alma.
E na viagem da vida, que pode ser longa ou curta, amigos são mais do que estradas, são placas que indicam a direção e naqueles momentos em que mais precisamos, por vezes são o nosso próprio chão.
(Portal Diabetes Motivacional)
Eu tenho amigos que seguem comigo toda a trilha... que levo pra onde for, que carrego no lado esquerdo do peito, lugar onde moram! Pra sempre, aqui dentro!

domingo, 25 de outubro de 2009

Desabafo!

Nos últimos dias tenho me feito muitos questionamentos... tenho conversado comigo mesma sobre os prazeres e desprazeres que a Vida me ofereceu.
Dia deste enquanto voltava da faculdade, me peguei falando em voz alta sobre os acontecimentos da minha vida. Questionando mesmo sobre felicidade, realização, conceitos e conquistas.
É dificil falar com detalhes sobre esses quatros pontos.
Felicidade porque aprendi que se resume em momentos que nos fazem felizes ou não;
Sobre realização posso dizer que quando jovens idealizamos uma série de coisas que na verdade não existe. O que existe são partes e escolhas dessa realização, mas não a realização completa como um conto de fadas...
Conceitos - algo que quando amadurecemos e nos formamos mais experientes adotamos o nosso próprio com pouca relação e preocupação com as cobranças da sociedade, ... como se de fato fosse a hora de adotarmos os nossos próprios, sem prestação de contas.
Já conquistas, o ponto "X" é que quase sempre são poucas..., talvez porque como seres humanos temos tendência a querer sempre mais e por isso nem sempre estamos satisfeitos e é isso o que nos faz vivos... sonhamos, idealizamos e quando conquistamos já temos uma outra meta, um outro propósito... e tudo começa de novo... a mesma luta, uma nova busca...
Verdade que nesta semana ando meio "down" no trabalho tem acontecido certos pontos que tem de certa forma me desmotivado muito, são coisas poucas mas que em conjunto se tornam amargas e grandes, ai e como incomodam! Certas preocupações e questionamentos que desfavorecem meu desempenho devido á falta de sinceridade que devia existir nas organizações, nas pessoas....
Meu maior problema é em não saber lidar com a falta de caráter do ser humano!
A cada dia isso me faz doer, amargar, me tira o sono e do sério!
Só peço a Deus, para me fazer uma pessoa melhor... melhor do que esses infelizes e incompletos, que não se pode confiar, e que esses propósitos tenham alguma finalidade boa pra minha vida!
Não aguento mais lutar, lutar e lutar... em função de que??????????

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Leãozinho em festa!


Hoje é aniversário de um Leãozinho muito querido! Gente boa mesmo: meu irmãozinho Junior.
Vale a pena registrar aqui o tamanho extra GG do carinho que tenho por ele...
Acabei de ligar a fim de parabenizá-lo e disse exatamente assim: “Desejo-lhe muitas coisas boas, mas entre todas, em resumo: Muita saúde e cerveja. Tendo as duas coisas já dá para se viver bem, o resto é só correr atrás...” Ele riu e disse: Que parabéns diferente! (kkkk) Uma coisa não tem realmente nada a ver com a outra mas tudo bem... E entre sorrisos expliquei: É necessário ter saúde para poder tomar uma cerveja e ou fazer o que se gosta de fazer rsrsrs... a verdade é que não há nada mais maravilhoso do que de fato poder fazer o que se gosta - o que no caso dele (e no meu) é tomar cerveja, e enquanto houver saúde pra isso, ta tudo ótimo!

Dia destes conversava com o Gê (o Cururu) e eu disse que o motivo de eu ser tão festiva e agitar tantas vezes encontros, baladas, viagens e geralmente nunca dizer não para esses convites, é porque acredito que a única coisa que se leva da vida são os momentos bons... amanhã ou depois quando eu ou um de nós já não mais existir nesse mundo, alguém há de se lembrar de todas essas histórias, dos sorrisos... de tudo que dividimos juntinhos...

Então a cerveja, do exemplo acima, se estende á uma coca cola, um gole d´água... o que vale é que as melhores coisas, se resumem nos pequenos gestos...

Vale a pena ser feliz! Com cerveja, refrigerante ou água! Mas para tudo isso é necessário SAÚDE!

Bom, JOTA ERRE (JR) milhões de cerveja, momentos bons e alegres pra você! Muita saúde pra agüentar os trancos, os barrancos e as festas!

Te Amo, meu negrinho e leãozinho preferido!
*PS: Seu maior defeito é realmente ser SÃO PAULINO! ai ai ai... Nada é perfeito mesmo, né!?!?

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Fim de semana, feriado prolongado e praia! Tudo a ver...


Fim de semana chegando... mas eu (pra variar) correndo contra o tempo, quero postar sobre o fim de semana passado (risos)!
Eu, minha mana Telma e a Fabiana, fomos a lá praia...
Passeio bom, apesar da chuvinha ... uma ventania danada!
Enfim: Deu para “amorenar” digo “empretecer” bocadinho... (risos)!!!
Valeu para refrescar a cuca... ficar de pernas pro ar...
Eita coisa boa!

Uma foto do trio, para recordar os melhores momentos...

O Mundo é Assim (Velha Guarda da Portela)

Sempre fui apaixonada por essa música! E... na última sexta-feira, ao ouvi-lá na roda de samba com a Val, pensei: Preciso postá-la no Blog... e não esqueci! Cá estou eu!!!

"O Mundo é Assim"- Velha Guarda da Portela
Composição: Alvaiade 1968

O dia se renova todo dia
Eu envelheço cada dia e cada mês
O mundo passa por mim todos os dias
Enquanto eu passo pelo mundo uma vez
A natureza é perfeita
Não há quem possa duvidar
A noite é o dia que dorme
O dia é a noite ao despertar


"Passarinho" (Chatim), do disco "Beth Carvalho - De pé no chão" (1978).
Quero viver como um passarinho

Cantar, voar sem direção
Quando quiser construir meu ninho
Hei de encontrar um coração
Por enquanto eu quero viver
Com toda liberdade
Cantando aqui, pousando ali
Esta é a minha vontade
Não, eu não quero prisão

Para o meu coração
Eu não quero
Será bem triste o meu fim
Se eu não conseguir
Ter a minha vida assim


sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Apesar de... tudo, A VIDA é uma roda viva...

Com muitas expectativas... várias coisas para curtir e cumprir neste feriado prolongado!
Aliás a curtição mesmo, para mim, já começou ontem!!! Fomos num bar, eu, Val e o seu bonitinho (rs), e foi ótimo ouvir um bom bocado de Chico Buarque... embora bateu uma saudade... oras eu observava o presente e me divertia, em outras pairava no ar e me via com uma nostalgia danada!
Mas foi bom... enfim! É, foi bom...
Já que a vida gosta mesmo de atropelar e fazer as coisas á seu modo, (como sempre digo), resta-nos simplesmente viver, dançar no ritmo da música, exatamente como ela quer que seja, buscando e fazendo com que tudo acabe basicamente em um sambinha, afinal:“Apesar de você, amanhã há de ser outro dia...” e a vida é mesmo uma GIGANTE roda viva!!!
*PS: Ainda deu tempo pra se emocionar! Era tarde quando cheguei em casa, e encontrei um bilhetinho simplório do meu amado á minha espera! Que surpresa boa! Gostoso demais a gente perceber que nos PEQUENOS gestos há um GRANDE amor na frente, em volta e por trás de tudo!!! Boa viagem, meu Bizúuuuuu.... (já estou com saudades!).

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Um pouco sobre Lya Luft

A escritora é conhecida por sua luta contra os estereótipos sociais. "Essas coisas que obrigam as pessoas a ser atletas. Hoje é quase uma imposição: a ordem é fazer sexo sem parar, o tempo todo. A ordem é não fumar, não beber. É essa loucura o dia inteiro na cabeça. Quem não for resistente acaba enlouquecendo. E a vida fica para trás. Hoje as pessoas estão sofrendo muito. Um sofrimento absolutamente desnecessário. Especialmente as mulheres que fazem plástica logo que vêem uma ruga no rosto. Plásticas de inteira inutilidade". (Eu concordo plenamente com cada uma dessas palavras!).
Lya Luft deixa claro que nada tem contra as cirurgias plásticas, mas contra o rumo disso tudo. "Na ambição de serem sempre jovens, as mulheres acabam perdendo o próprio rosto. São os falsos mitos da juventude para sempre. E isso também inclui a febre atual da mídia, particularmente nas revistas femininas. Essa é outra coisa para o enlouquecimento. É tudo uma imposição". Eu, Giselma penso que envelhecer faz parte. Acho bacana ter certo cuidado, mas sem exageros. Devemos aceitar a idade, tudo são fases! E por mim, é por demais aceitável!
Quem é Lya Luft? Uma mulher gaúcha, brasileira, que faz o que desejava fazer: jogar com as palavras e com personagens, criar, inventar, cismar, tramar, sondar o insondável. "Tento entender a vida, o mundo e o mistério e para isso escrevo. Não conseguirei jamais entender, mas tentar me dá uma enorme alegria”. Sou uma amadora da vida. (eu tbm!)
O que lhe causa repugnância? Preconceito, hipocrisia.
Vale a pena escrever? "Não escrevo porque “valha a pena”, mas porque me faz feliz, simplesmente". Pra mim, isso basta! Felicidade basta!
O que falta à literatura brasileira? "Nada, não falta nada. Ela é o que é, simplesmente, cheia de graça, desgraça, florescente, múltipla, lutando com a crise econômica que atinge também as editoras, mas, como não se escreve para ficar rico, tudo bem".Risos... Essa resposta é ótima!
E Deus? "Deus eu imagino como força de vida: luminosa, positiva, imperscrutável".
E o Brasil? Brasil cujo jeito é parecer não ter jeito. "Não quero jamais ter de morar longe dele. Aqui tudo é possível. E tanto está ainda por fazer". Concordo em gênero, número e grau!
O que fazer para reverter esse quadro de miséria? "Que os responsáveis por isso criem vergonha na cara". Bastaria...
Quem não merece respeito algum de ninguém? "Todos merecem algum respeito, no mínimo compaixão".
Você costuma rezar? "Não tenho nenhuma religião instituída, mas tenho uma profunda visão “religiosa”, sagrada, da natureza, das pessoas, do outro".
Qual é seu momento ideal para escrever? "O momento em que meu livro quer ser escrito. Mas normalmente produzo mais de manhã bem cedo. Gosto de ver o dia nascer, aqui na minha mesa de trabalho e do meu computador".
Lya Luft afirma que hoje prefere ficar quieta consigo mesma. Já casou demais. Já enviuvou demais. Não se imagina mais vivendo ao lado de ninguém. Mas não quer desprezar os encantamentos que surgem por seu caminho.
Sempre brinco: "Ando devagar porque já tive pressa e levo esse sorriso, porque já chorei demais..."
Sua visão do masculino é muito positiva. Foram três homens, na verdade, que a influenciaram e percorreram sua vida, erguendo seu rosto, seu percurso, abrindo seus rumos: seu pai, Arthur Germano Fett, que considerava um homem culto, amigo e também solitário; seu cúmplice, Celso Pedro Luft, de quem herdou o sobrenome; e Hélio Pellegrino. Isso não é lindo? Ligeira impressão que tudo valeu á pena!
Não faz tarde de autógrafos, sente-se desconfortável com isso. Não gosta de discutir teorias literárias, especialmente quando se referem à sua obra. Nunca pensou em tradição literária ou, especialmente, em tradição literária gaúcha. Não quer fazer literatura regional. Não quer ser representante de descendentes. Não quer pertencer a grupo nenhum. Quer mesmo é ser livre. (E tem coisa melhor?). Quer ficar quieta no seu canto.
No livro "Secreta Mirada", lançado em 1997, ela se deixou com ela mesma e discorreu sobre temas que nunca fala em discussões literárias, em entrevistas, depoimentos.
"Sou dos escritores que não sabem dizer coisas inteligentes sobre seus personagens, suas técnicas ou seus recursos. Naturalmente, tudo que faço hoje é fruto de minha experiência de ontem: na vida, na maneira de me vestir e me portar, no meu trabalho e na minha arte/ Não escrevo muito sobre a morte: na verdade ela é que escreve sobre nós - desde que nascemos vai elaborando o roteiro de nossa vida/ O medo de perder o que se ama faz com que avaliemos melhor muitas coisas. Assim como a doença nos leva a apreciar o que antes achávamos banal e desimportante, diante de uma dor pessoal compreendemos o valor de afetos e interesses que até então pareciam apenas naturais: nós os merecíamos, só isso. Eram parte de nós./ O amor nos tira o sono, nos tira do sério, tira o tapete debaixo dos nossos pés, faz com que nos defrontemos com medos e fraquezas aparentemente superados, mas também com insuspeitada audácia e generosidade. E como habitualmente tem um fim - que é dor - complica a vida. Por outro lado, é um maravilhoso ladrão da nossa arrogância./ Quem nos quiser amar agora terá de vir com calma, terá de vir com jeito. Somos um território mais difícil de invadir, porque levantamos muros, inseguros de nossas forças disfarçamos a fragilidade com altas torres e ares imponentes./ A maturidade me permite olhar com menos ilusões, aceitar com menos sofrimento, entender com mais tranqüilidade, querer com mais doçura./ Às vezes é preciso recolher-se".
Gente, é tudo muito lindo! Nunca li nada assim, tão transparente, tão eu mesma!!! Leio e releio, não me canso, isso parece por demais comigo! Mesmos sentimentos, pensamentos, por fim. É admirável!

"Lya Luft" e "Giselma Leão"

"Não existe isso de homem escrever com vigor e mulher escrever com fragilidade. Puta que pariu, não é assim. Isso não existe. É um erro pensar assim. Eu sou uma mulher. Faço tudo de mulher, como mulher. Mas não sou uma mulher que necessita de ajuda de um homem. Não necessito de proteção de homem nenhum. Essas mulheres frageizinhas, que fazem esse gênero, querem mesmo é explorar seus maridos. Isso entra também na questão literária. Não existe isso de homens com escrita vigorosa, enquanto as mulheres se perdem na doçura. Eu fico puta da vida com isso. Eu quero escrever com o vigor de uma mulher. Não me interessa escrever como homem."

De uns tempos pra cá tenho lido alguns trechos de livros cujo autora é Lya Luft... Vergonhosamente assumo, não sabia exatamente quem era "Lya Luft", não tinha a mínima idéia de quem era essa pessoa que já admirava secretamente... Mas após ler o texto acima, concluí que realmente não há possibilidade de guardar esse segredo! Eu a admiro sim!! Com todas as letras e com todos os meus caprichos... suas escritas resume exatamente o quê e como eu penso!!! Parabéns Lya Luft! Grande escritora e tradutora, (até de pensamentos desconhecidos...).

“A vida é maravilhosa, mesmo quando dolorida. Eu gostaria que na correria da época atual a gente pudesse se permitir, criar, uma pequena ilha de contemplação, de autocontemplação, de onde se pudesse ver melhor todas as coisas: com mais generosidade, mais otimismo, mais respeito, mais silêncio, mais prazer. Mais senso da própria dignidade, não importando idade, dinheiro, cor, posição, crença. Não importando nada”. Trecho do livro "O Ponto Cego"

Pergunto á quem de fato me conhece: "Tudo a ver com o que penso ou não???"

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

O despertar...

Disse que ia voltar, e voltei!

Dias atrás, claro que por acidente, deixei cair água fervendo na minha mão direita, e agora enquanto buscava as palavras, olhei meio de relance e dei de cara com a marca que ficou... um risco escuro que pegou parte da mão e do punho... doeu viu?!?!? Fico a pensar quantas dores..., quantas marcas e desamores... quantos riscos escuros nós fazemos em nossa vida!??! Devíamos ter mais cuidado conosco... aquela coisa de se preocupar mesmo! Pegar no colo e tudo! Temos esse direito! É nosso dever nos preservar!
É fato que os dias estão passando rapidamente, um após o outro, e nunca reservamos um tempo diário para cuidar de nós mesmo... isso deveria ser prioridade e permanente!!!!!
Também andei dando uma lida em minhas últimas postagens e vi que uma delas eu me identificava com uma música que dizia: “Fugindo de Mim”... é isso!!!! Corro, corro e fujo de mim mesma! É possível?!? SIM! Sei que é confuso...
Tenho dois grandes amigos: “Babo e Celinha” que sempre dizem exatamente isso! Mas, eu nunca os levei a sério... , eles dizem que só apareço quando está tudo bem... (sou do contra - risos)... quando tenho algum problema me escondo! Tenho dificuldade em dividir os meus problemas com os meus amigos..., agora vejo que é provável que isso tenha um fundo de verdade.
Enquanto nos últimos dias tento justificar as minhas falhas pela falta de “tempo” hei de ser sincera... por vezes a tristeza insiste em bater à minha janela, mas quando isso ocorre tenho preferido me reservar.
Vivo à procura da companhia do sol... afinal, sorrisos são mais acolhedores, sobretudo neste instante de despertar, é notável o quanto tenho me escondido!

Eu só me sinto à vontade para bater o martelo num ponto: não é justo a gente batalhar, batalhar e ainda assim ser infeliz! Acordar de madrugada, passar mais tempo no trabalho do que em casa e/ou ao redor dos amigos, estudar á noite ao invés de ouvir uma boa música do ladinho das pessoas que a gente ama em função de que? Infelicidade?? Não há de ser!
Temos vida própria, sair por sabe-se lá Deus de onde, buscando não sei o que e deixando um certo desânimo, uma sensação de tristeza nos desaforar é demais!

É assim que venho acordando e dormindo nesses últimos dias...
Tá tudo errado nesse País!
Tá tudo errado nesse mundo! No meu mundo, propriamente dito...

Hoje me identifico por demais com o texto escrito por Lya Luft:

“Às vezes é preciso recolher-se.
O coração não quer obedecer, mas alguma vez aquieta; a ansiedade tem pés ligeiros, mas alguma vez resolve sentar-se à beira dessas águas. Ficamos sem falar, sem pensar, sem agir.
É um começo de sabedoria, e dói. Dói controlar o pensamento, dói abafar o sentimento, além de ser doloroso parece pobre, triste e sem sentido. Amar era tão infinitamente melhor; curtir quem hoje se ausenta era tão imensamente mais rico. Não queremos escutar essa lição da vida, amadurecer parece algo sombrio, definitivo e assustador. Mas às vezes aquietar-se e esperar que o amor do outro nos descubra nesta praia isolada é só o que nos resta. Entramos no casulo fabricado com tanta dificuldade, e ficamos quase sem sonhar. Quem nos vê nos julga alheados, quem já não nos escuta pensa que emudecemos para sempre, e a gente mesmo às vezes desconfia de que nunca mais será capaz de nada claro, alegre, feliz. Mas quem nos amou, se talvez nos amar ainda há de saber que se nossa essência é ambigüidade e mutação, este silencio é tanto uma máscara quanto foram, quem sabe, um dia os seus acenos”.

COMO CONTRIBUINTES, EXIGIMOS RESPEITO!

Eu disse que voltava depois, mas não resisti!
Acabei lendo esse texto e não pude deixar de postar aqui... é de extrema importância!
Vale a pena ler, pensar e praticar!!!
COMO CONTRIBUINTES, EXIGIMOS RESPEITO! (Júlio César Zanluca)

O governo federal é um leão que está a nos devorar – vamos agir!

Eu não vou pedir nada para o governo. Eu vou exigir. Pois 40% de minha renda vão para manter esta máquina monstruosa, este Estado Golias que insulta a Nação Brasileira. Então eu e você podemos exigir:

- Moralidade pública e cadeia para os corruptos.
- Imediata redução da carga tributária global.
- Proibição da criação de novos tributos (inclusive a CSS), enquanto não realizada uma reforma tributária efetiva.
- Imediata devolução de todo o Imposto de Renda das pessoas físicas retidos em 2009 e anos anteriores, com juros SELIC.
- Prisão de contribuintes considerados sonegadores somente após competente julgamento.
- Aumento da fiscalização sobre bancos e grandes corporações empresariais, pois são estes os maiores sonegadores do país.
- Emissão automática de extrato dos tributos pagos e/ou pendências para emissão da CND a cada contribuinte com disponibilização, mediante senha, das referidas informações pela internet.
- Criação do Código Nacional de Direitos do Contribuinte.
- Proibição de que Medidas Provisórias tratem de assuntos tributários.
- Imediata redução dos juros da dívida pública.
- Limitação dos cargos públicos de confiança.
- Imediato corte de despesas correntes do governo federal, especialmente com publicidade, “assistencialismo eleitoral”, verbas para viagens e outras maracutaias orçamentárias.
- Redução do leque de incentivos fiscais, especialmente aqueles concedidos às grandes corporações.
- Imediata unificação do sistema previdenciário público e privado pelo regime do INSS.
- Diminuição do poder do Estado, do poder de tributar e instituir tributos e de interferir nas atividades da livre-iniciativa.
- Reforma tributária, reduzindo os mais de 80 tributos atuais para 7 ou 8, sem isenções fiscais ou benesses especiais.
- Reforma administrativa do Estado Brasileiro.
- Suspensão imediata de repasses do Governo Federal para ONGs que invadem propriedades, realizam "ativismo social" (leia-se baderna financiada pelo Estado) e espalham ideologias anti-democráticas.

Escreva para a imprensa. Proteste. Telefone. Mande e-mails. Copie este artigo. Distribua-o. Mobilize-se. Exija!

Ou exigimos respeito, ou continuaremos a ser desrespeitados por este Golias terrível, que é o governo federal!

Júlio César Zanluca é brasileiro, contabilista e paga rigorosamente em dia todos os seus tributos. Nunca pediu favor ao governo e nem recebeu (e não quer receber) qualquer assistencialismo, "bolsa-esmola" ou incentivos - somente deseja trabalhar e deixar melhores perspectivas para seus descendentes - COMO EU!!!

Colocando as coisas em dia!

Estou em falta comigo! Com o meu mundo...
Há quanto tempo não escrevo e não passeio por aqui...
É que mais uma vez por conta da correria de sempre, não tenho tido tempo para nada..., além disso, acho que escrever é uma coisa de praticar. Por exemplo, se nos policiarmos em postar todos os dias, as palavras surgem, vêem feito vento, mas caso contrário, as palavras fogem desesperadamente, e quando acontece geralmente não me esforço tanto para postar... fico sem forças de correr atrás das palavras... cansada demais!!! rsrs...
Bom, enfim briguei comigo para vir até aqui! Tenho que escrever!!! Faz-me tão bem... ter um canto seu, único, onde não é preciso escolher palavras, nem o horário... é muito mágico!
Falando de mim, a correria no “trampo” tá dureza... estou praticamente sozinha para um bilhão de coisas (e maioria delas atrasadas)... além disso, as aulas na facul... tem me destruído! E ainda a partir do próximo sábado vou começar a ter aulas no período da manhã... afff! Aguenta coração! Aliás, coração, cabeça e membros... agüenta!!! Falta pouco... estou quase que preparando um calendário regressivo para controlar melhor os dias que faltam para se dar por fim esse compromisso! Noooossaaaa... vou comemorar até...
Quanto a minha vida pessoal, amorosa e familiar, tá tudo em ordem! Bem... sempre pode dar uma melhorada, né!??! Mas não posso reclamar! Tenho que praticar também a idéia de agradecer pelas coisas boas, pelo amor e pela família nota DEZ que Deus me deu!
Falando nisso, o último sábado foi aniversário do meu bem, amado corintiano! E como não podia ser diferente, preparei uma festa corintiana para o Bizuguinho! A Telma *(mana) me ajudou, e foi ótimo!!! Tenho o dom de me dedicar para os detalhes quando se trata de festa... ainda mais á alguém que amo..., receber pessoas é sempre uma maravilha!!

Curu-ru, quero aproveitar e colocar aqui, que lhe desejo um mundo de doces e chocolates, verdadeiras delícias, você merece só coisas boas na sua vida por tudo que você é!
Eu te amo!!!

Continuo depois... (pq agora, de volta ao trabalho!)

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Paciência...

Há muito tempo sem passar por aqui...
Aos poucos vou tentar atualizar os assuntos, mas antes, quero postar um texto que recebi hoje por e-mail da minha amiga Drika... vale á pena ler!
PACIÊNCIA... Por Arnaldo Jabor
Ah! Se vendessem paciência nas farmácias e supermercados...
Muita gente iria gastar boa parte do salário nessa mercadoria tão rara hoje em dia.
Por muito pouco a 'madame' que parece uma 'lady' solta palavrões e berros que lembram as antigas 'trabalhadoras do cais'....
E o bem comportado executivo? O 'cavalheiro' se transforma numa 'besta selvagem' no trânsito que ele mesmo ajuda a tumultuar...
Os filhos atrapalham, os idosos incomodam, a voz da vizinha é um tormento, o jeito do chefe é demais para sua cabeça, a esposa virou uma chata, o marido uma 'mala sem alça'. Aquela velha amiga uma 'alça sem mala', o emprego uma tortura, a escola uma chatice.
O cinema se arrasta, o teatro nem pensar, até o passeio virou novela.
Outro dia, vi um jovem reclamando que o banco dele pela Inter net estava demorando a dar o saldo, eu me lembrei da fila dos bancos e balancei a cabeça, inconformado...
Vi uma moça abrindo um e-mail com um texto maravilhoso e ela deletou sem sequer ler o título, dizendo que era longo demais.
Pobres de nós, meninos e meninas sem paciência, sem tempo para a vida, sem tempo para Deus.
A paciência está em falta no mercado, e pelo jeito, a paciência sintética dos calmantes está cada vez mais em alta.
Pergunte para alguém, que você saiba que é 'ansioso demais' onde ele quer chegar?
Qual é a finalidade de sua vida?
Surpreenda-se com a falta de metas, com o vago de sua resposta.
E você?
Onde você quer chegar?
Está correndo tanto para quê?
Por quem?
Seu coração vai agüentar?
Se você morrer hoje de infarto agudo do miocárdio o mundo vai parar?
A empresa que você trabalha vai acabar?
As pessoas que você A MA vão parar? Será que você conseguiu ler até aqui?
Respire... Acalme-se...
O mundo está apenas na sua primeira Volta e, com certeza, no final do dia vai completar o seu giro ao redor do Sol, com ou sem a sua paciência...
NÃO SOMOS SERES HUMANOS PASSANDO POR UMA EXPERIÊNCIA ESPIRITUAL...
SOMOS SERES ESPIRITUAIS PASSANDO POR UMA EXPERIÊNCIA HUMANA...

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Bons dias...



Hoje quero começar parabenizando mais uma amiga: “Noemi. Sábado (19) foi o dia do seu aniversario, mas tive um problema sério! Fiquei sem celular (deu pau no antigo) – fiquei sem bateria e sem minha agenda... contudo, quero postar aqui que lhe desejo um MUNDO de coisas boas, nega! Você é DEZ vezes DEZ!”.

Esse fim de semana não foi dia de ficar enfiada em casa! É passada da hora de aproveitar os momentos, os convites, e ficar do ladinho das pessoas que a gente ama...
Estive num bar com o nome de Balzac (localizado próximo ao metro Santa Cruz), embora já havia recebido alguns convites para esse bar, somente nesse sábado estive por lá... Aproveitei!
Como é bom relembrar os velhos tempos, notar que ainda há a mesma pessoa de 10, 15 anos atrás... Referindo-me aos mesmos gostos da minha adolescência! Nada mudou! Ainda gosto muito de um bom papo, de uma cerveja, de samba, de conhecer lugares e amigos novos e aproveitar os momentos!
Com uns sambinhas antigos, uma cerveja e um samba rock com meu primo o que mais pode faltar? Foi dia de sorrir e sambar!!
O domingo reservei para minha afilhadinha “Barba”! Tiramos fotos e fotos... olho para essa garotinha que cresceu tanto e tão rápido e fico abismada como o tempo voa...
Que delícia revê-la minha querida!!! Como lhe quero bem!
Quero postar as fotos (acima), pois é isso que vale!
A brincadeira das mordidas que a cada ano aumenta um (já há DEZ anos), com o tempo não existirão mais nos aniversários, mas ficará pra sempre guardadas por nós de forma única, onde só nós sabemos o quanto elas foram importantes para firmar o compromisso e o carinho que temos uma pela outra...

*PS: A cada dia que passa uma coisa cada vez mais certa em mim: Sempre é hora de viver e aproveitar cada um dos momentos, porque eles são únicos!!! E amanhã podem ou não mais existir... de qualquer forma, ficarão pra sempre na memória e no coração!

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

"Fugindo de Mim" (Wilson Sideral)

Hoje estou pra música!
Ouvindo várias, me deparei com "Fugindo de Mim" ... e é meio assim que me sinto!
Composição: Wilson Sideral



Pisando fundo, acelerando tudo.
Exagerando, saindo do limite.
É o que eu te disse, eu sou assim.
Partindo pra cima, fugindo de mim.

Eu corro muito, eu vou pra todo lado.
Levando comigo, quem tá do meu lado.
É o que eu te disse. Eu sou assim.
Partindo pra cima, fugindo de mim.

Ah... Não perco o tempo, nem perco a hora.
Ah... Esse é o momento à hora e agora.
Ah... Vivo cada instante. Não quero perder nada.
Ontem está distante, ficou lá atrás na estrada.
Só não existe viver sozinho, viver sem você.
Sempre que eu fujo, te levo aqui, aqui comigo.

Porque te amo.

E eu sou assim, partindo pra cima, fugindo de mim.
Eu aproveito cada minuto.
Se fiz, tá feito, eu nem discuto.
É o que eu te disse. Eu sou assim.
Partindo pra cima, fugindo de mim.

Ah... Não perco o tempo, nem perco a hora.
Ah... Esse é o momento à hora e agora.
Ah... Vivo cada instante. Não quero perder nada.
Ontem está distante, ficou lá atrás na estrada.
Só não existe viver sozinho, viver sem você.
Sempre que eu fujo, te levo aqui, aqui comigo.

Porque te amo.

Só não existe viver sozinho, viver sem você.
Sempre que eu fujo, te levo aqui, aqui comigo.

Porque te amo.

É o que eu te disse. Eu sou assim.
Partindo pra cima, fugindo de mim.
Eu aproveito cada minuto.
Ontem está distante, ficou lá atrás na estrada.
Só não existe viver sozinho, viver sem você.
Sempre que eu fujo, te levo aqui, aqui comigo.

Porque te amo.

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

"Misturando os assuntos, pela falta de TEMPO!"


Considerando o lapso do "TEMPO", alguns dias sem postar e já me fez falta... Estou adorando a idéia de escrever coisas que penso, que faço, que gosto... sem restrições e ainda me divertindo. Navego pelo mundo de uns e de outros, e me jogo no meu! É o meu mundo, onde sou livre para ser eu mesma e fazer apenas o que me dá mais prazer!
*Ah outra coisa, tem sido engraçado os e-mails´s que tenho recebido da Sil cobrando minhas postagens , (amiga que não me canso de falar e mostrar o tamanho do carinho que sinto), agradeço por me acompanhar sempre, também via blog!
Bom, por aqui não tenho limitações, esqueço que qualquer pessoa possa vir a ler o que escrevo, mas a verdade é que não me importo. Escrevo pra mim mesma! Para desabafar e soltar o verbo como quem não se pode fazer quase nunca na vida real, além de que, aqui a casa é minha! O mundo é só meu! E como é bom ditar as regras... Escolher o assunto, o pensamento, a música, o vídeo e/ou misturar tudo isso! Aqui me permito sem me preocupar se estou sendo compreendida ou não. Gosto de jogar as informações, pensamentos e ler depois com restinho de alguma calma... corrigindo algumas coisinhas vez ou outra...
Não me importo com quem possa vir a ler, porque minha intenção não é me esconder e nem aparecer... é ser eu - pura e simplesmente “Eu”! E é pensando assim que hoje quero misturar os assuntos!
Primeiro vale colocar que estou passando por um momento muito intenso, uma prestação de contas comigo mesma a qual pretendo quitar o quanto antes! Essa intensidade toda está acontecendo dentro de mim e embora muitas coisas na minha vida estejam mudando concretamente, o que de fato causa a minha ausência por aqui são motivos internos, porque o meu grande amigo "TEMPO" é incapaz de oferecer um pouco mais de horas para que eu viva ainda melhor... chamo isso de “gostar de viver”!
Geralmente quando o fim do ano vai se aproximando começamos a fazer as contas. Melhor dizendo “eu” começo. O balanço das promessas e planos que fiz no Ano Novo (já quase velho) e as tais contas para saber o que ainda posso realizar nos poucos meses que faltam, de fato me torturam! A briga com o “TEMPO” me perturba muito!
Primeiro porque fim do ano = dezembro = férias = roupa nova e na seqüência verão = praia = biquíni = cerveja... e pra tudo isso devo me sentir bem! Aí já começa literalmente o desespero!
Este ano de 2.009 com um diferencial brilhante! Ainda há a conclusão do curso da faculdade que neste último semestre sinceramente não tenho tido o mínimo de fôlego nem de vontade, para assistir as aulas... coisa que já preciso mudar a fim de obter o devido fim, que espero que seja finalmente feliz (rs), caso contrário, se eu continuar assim, não haverá conclusão do curso pelo total do número de faltas e só terei mais uma meta não cumprida e mais uma insatisfação comigo mesma... NEM PENSAR NISSO!!!!
Já pra ajudar, profissionalmente falando estou enrolada com um trabalho que parece sem fim! Uma auditoria deu-se início em fevereiro e até hoje ainda estamos trabalhando com os processos... e ás vezes a impressão que dá é que não estamos indo adiante... sempre voltando, refazendo coisas, números, comentários, observações, notas explicativas... tudo isso tem me frustrado um pouco, apesar de ter a certeza que nada disso é minha culpa diretamente, mas, a sobrecarga é exclusivamente minha! E a ansiedade também!
Aí pronto... misturando desde já os assuntos, ansiedade me faz comer! E ligando o profissional, a comida, a faculdade, com o fim de ano, praia e bla bla bla... comecei a fazer academia! Decidi começar a levantar uma hora mais cedo e encarar mais essa! Têm sido bom, mas muito cansativo! Cansativo mesmo!!
Dando continuidade as misturas... Serei madrinha de casamento em dezembro, da amiga de tantos... fatos: Fá! ÊÊÊÊEEEE... têm os preparativos, as idéias. Eu adoro essa coisa de organizar, festejar, e palpitar... (até comentei com o Gê hoje pela manhã que eu deveria trabalhar com essas coisas, sempre gostei e penso que me daria muito bem nisso - risos) mas voltando ao 'casório Fá', adoraria poder ajudar e participar mais, porém devido ao meu inimigo ‘TEMPO’ não têm sido como eu gostaria,... no entanto o que fazer? O único ‘tempo’ disponível que poderia ter além da meia-noite á seis horas, seria o ‘tempo’ que dispus para a academia, mas imagino que ela não teria esse mesmo ‘tempo’ disponível, ou teria?! (risos) A essa hora da madruga, creio que não!!!
Bom, a Fá além de amiga virou minha ‘personal trainner’ , combinamos que todos os domingos pela manhã vamos nos encontrar para andar, e já começamos no último... UAU! Que pique! Não imaginava que seria barra pesada, muito difícil acompanhar seus passos (argh! Mais risos) ... claro, tem as compensações: aproveito para me atualizar sobre as novidades do casório, além das fofocas... No primeiro domingo acabamos passando o dia inteiro juntas, rimos, conversamos e saímos um pouco da vida sedentária! Como ela diz: “andar juntas mais parece uma sessão de terapia do que ginástica”, concordo plenamente com isso!
Tudo poderia estar perfeito até aqui, não fosse que para tudo na vida há de se fazer escolhas... e aí, embora meu último fim de semana tenha sido “supimpa” não consegui visitar minha mãezinha e meu tio... (adivinhe por que? FALTA DE “TEMPO”!)... Vou ter que organizar isso, porque um fim de semana sem ver minha mãezinha e agora meu tio, representa 05 (cinco) dias sem graça, já que no decorrer da semana não há mais espaço!
Gosto de acompanhar a saúde e a recuperação do braço da minha mãezinha (ainda mais agora, após o último tombo dias atrás), além de aproveitar e ver meu querido tio (meio que pai) ele anda meio fraquinho causa do tal “TEMPO”, dos anos, da idade...

Pensando numa solução, bem podia se concretizar a Lei da redução de horas do trabalho, não é!? Assim sobraria “TEMPO” para se encaixar alguma coisa... possivelmente se um desses políticos lessem esse texto iriam assinar toda a papelada necessária, porque não é nada mais do que o resumo geral da vida de todo e qualquer Brasileiro: Correr, comer, trabalhar, dormir e rezar para sobrar algum ‘tempinho em horas’ e um ‘tempinho financeiro’ para um churrasquinho e uma cerveja na laje num domingo, isso é merecedor e faz um cidadão feliz que só! Sinto-me estranha na falta desse domingo com a família, fico com um mexido durante toda a semana... Vejo a hora de ver de pertinho como estão as coisas com eles, por lá... e telefone pra mim, quando se trata de mãe , de família e de saúde, é muito pouco – não funciona, ponto e pronto!!

Outro assunto que é mais que merecido destacar, é que nessa semana, dias 10 e 14, foi aniversário de duas maravilhas do MEU MUNDO! Afilhadas queridas: Kelly (20) e Bárbara (10), e o máximo que consegui fazer foi ligar e enviar mensagens expressando todo meu amor por elas ... (e ainda assim graças ao mundo digital), pois mais uma vez faltou o tal “TEMPO” para estar presente em carne e osso (na verdade mais carne do que osso, mas isso é só um detalhe), queria estar lá!
Já disse o que exatamente fazer aniversário representa pra mim, fiquei triste por não poder estar pertinho delas nessa data tão especial... isso me incomoda viu “Sr. Tempo”!?! Bem podia aliviar um pouco, permitindo com que as horas passem mais devagar e não voam como tem sido todos os dias...
Minhas meninas, vocês duas merecem “aspas” aqui! Muitas vezes ganhamos presentes de DEUS transformados em pessoas na nossa vida! É foi assim que DEUS quis! Prova que Ele existe, e incentivo para que eu me torne uma pessoa melhor, e só é possível com vocês sempre por perto. Onde quer que eu esteja parte de vocês estarão aqui comigo, e tenham certeza que boa parte de mim com vocês! Desejo muito mais que tudo de melhor na vida das duas além de mais "TEMPO" para ficarmos juntas, é claro! Como disse para a Kelly: “O que ela imaginar o quanto lhe quero bem é 20 x mais” e para a Barba: “10 mordidas no mínimo, só pra marcar parte de mim em você”!

Em 'tempo' e há 'tempos': - amo vocês!

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

João e Maria (Chico Buarque)

"Sem a música, a vida seria um erro" (Friedrich Nietzsche in O Crepúsculo dos Deuses)


Fiquei em dúvida em qual dos vídeos postar, então resolvi!
Dois vídeos diferentes de uma mesma música! rsrs Bom e velho Chico Buarque...




sexta-feira, 11 de setembro de 2009

"Eu, em: Experiências no Supermercado..."

Estava aqui, passeando no meu mundo, quando me lembrei de uma cena que ocorreu ontem á noite. Disparei a rir... Achei a situação um verdadeiro retrato do Brasil!!!

Bom, eu e o Cururu fomos ao mercado, e a idéia era pra ser jogo bem rápido e o que virou?!? Cheguei no mercado (fui direto do serviço), o Gê já estava, e fui enfrentar a fila do açougue, a qual para minha surpresa havia apenas uma senhora... pensei “que sorte” já que quase nunca isso acontece no mesmo mercado e no mesmo horário... – puro engano!

Foi assim...
A senhora (da minha frente) questiona:
- Você tem picados de frango?
- Sim senhora. Respondeu o atendente.
- Quanto custa?
- Temperado?
- Não, normal. (Sem o bendito do tempero, Ela quis dizer...)
- R$ 3,29
- E o temperado?
- R$ 3,69.
- Nossa... como as coisas estão caras... (pensa em voz alta à senhora).
Silêncio. E a senhora continua pensando...
A essa altura eu já estava quase tomando a sua vez, pois da minha parte não havia dúvidas no que levar... mas me contive! Hum a zero pra mim! Dona Paciência do meu ladinho, firme e forte!
E... Até que o silêncio é quebrado pela senhora...
- Me vê 4 pedaços.
- Do temperado?
- Não do sem tempero.
- Ok senhora.
- Mas o sem tempero é congelado?
- Sim senhora, é congelado.
- Ah... então, quanto custa o frango inteiro?
- R$ 2,99.
- Mas é congelado também?
- Sim senhora, é congelado.
Silêncio novamente.
Pensei: Bom, acho que agora ela decidiu... e me enganei mais uma vez!
- E pedaços de frango só assim? Questiona à senhora.
- Assim como senhora? Temos também file de frango, peito de frango, coração de frango...
- Não, coxa e sobre coxa...
- Sim, a diferença é que um é temperado e outro não.
- Mas, as coxas, sobre coxa e asa, estão juntas! Não vende separada?
- Não senhora. Somente assim.
- Mas elas estão grandes!?!
- Não senhora, normal. Tamanho médio...
- Ta bem, então me vê 03 pedaços que não sejam grandes.
- Três ou quatro senhora?
- Sim, quatro...
E pesa o atendente...
- R$ 2,97 ta bom? Questiona o atendente.
- Hummm (pensa a senhora), mas você já embrulhou?? Eu ia pedir pra separar coxa, sobre coxa e a asa...
- Tudo bem senhora, faço isso...

E pronto!!! Finalmente chega a minha vez!!!
- Pois não? Questiona o mesmo atendente.
- Eu quero 04 filés de frango, por favor...
- Temperado ou sem tempero?
- Sem tempero, respondo.
- Só temos temperado...
- Tá tá tá, 04 temperado! Resolvi a situação. E o atendente esboçou um sorriso...
Eis a minha compra.... a essa altura a fila já estava enorme uns 5 atrás de mim... e a mesma senhora, enquanto o atendente providenciava o meu pedido, solta em voz alta:
- Ah, eu ia pedir outra coisa... mas agora não dá tempo...
SILÊNCIO TOTAL!
E eu?? Não ouvi mais nada dessa senhorinha.... risos!!!
Foi hilário!!! É ou não o retrato do Brasil???

Essa situação me envolveu.
Tudo é tão trágico que se torna cômico, já que há a certa altura eu me via confusa. Não sabia se sentia raiva ou pena... pensei somente o que dizer sobre isso???
Não sei da situação financeira da senhora, mas sei muito bem da minha e da situação do Brasil!!!

Enquanto isso, a certa distância o Simpático Cururu (que não estava ouvindo nada disso – afinal a distância não permitia), somente me olhava..., me filmava... , é provável que ele estivesse um pouco irritado comigo, com o atendente...
SERÁ?????????

Bom, não houve nenhum comentário dele, e nem meu... Existem coisas que é melhor não dizer! Me senti bem melhor calada!!! risos...

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

"Pessoas especiais"

Hoje quero falar de dois assuntos diferentes ao extremo... (ou não??? risos). Ocorre que se eu não expor logo os pensamentos por aqui, o tempo vai passando... e por fim as palavras fogem!
Então, vamos lá! Em partes...

Primeiro que há uns dias atrás (passeando pelo mundo afora), li um texto que havia a seguinte frase: “SE VOCÊ TREME DE INDIGNAÇÃO PERANTE UMA INJUSTIÇA NO MUNDO, ENTÃO SOMOS TODOS COMPANHEIROS!!!” A frase é do Che Guevara e fiz essa descoberta no blog da minha camarada V.Leão: http://www.comoseforabrincadeiraderoda.blogspot.com/ (sempre vale a pena passear por lá!).
Quero abrir “aspas” para falar sobre a admiração que tenho por essa pessoa! Val consegue ser tão especial e ao mesmo tempo tão comunista, que chega a irritar... (rsrs).
Falando sério, quero colocar que o texto, se não me engano, falava sobre o inicio do seu interesse por política (aliás acho que isso já estava no sangue não?) ... tbm outra indicação é seu outro texto relacionado á “preconceito e racismo” que infelizmente ainda existe e muito... suas observações neste foram tão bem colocadas, que consegui ver toda a situação..., na cena parecia mesmo que eu a via na minha frente brigando por uma das injustiças postadas neste Mundo... É muito bacana o tamanho que essa Leoa acredita no Brasil e nas pessoas... o exercício de buscar fazer o bem devia ser constante em todo ser humano, ... aí sim o MUNDO inteiro iria pra frente!
Parabéns Nega!!! Pelos textos e pelas observações. Também por ser exatamente assim como és, e por estar levando adiante tudo que aprendeu... (Nossa) Maria com certeza será sua cópia, que já é cópia de seus pais (meus tios) e que... não sabemos quantas cópias ainda existem espalhadas por aí, mas é bom sonhar em milhares... já que você sendo única já faz toda a diferença, imagine no coletivo...

O outro assunto é que neste fim de semana (*o prolongado) foi dia de festa! Duas grandes amigas: A Jô e a Sil fizeram aniversário, e como me conhecem bem, elas já sabem o quão maravilhoso acho aniversariar... eu acredito que a vida é feita de ciclos, e a cada ano fechamos um enquanto outro está por abrir... Penso que sempre, mesmo quando eu estiver velhinha, vou adorar comemorar o 'meu dia' e o 'dia de todos os meus', porque é o único dia "seu" de verdade, sem nenhum jogo de marketing, é puro e simplesmente o SEU DIA! Por isso, sempre vale a pena celebrar...
Minhas queridas Sil e Jô, mesmo cá de longe, muitas energias positivas enviei á vocês! É mágico tê-las rodeando o meu mundo, vivendo e dividindo cada pedacinho de mim! Obrigada por fazerem parte da minha vida!!!
Um apelo especial á vocês: “Vivam, sejam sempre felizes, e nunca vamos deixar nossa amizade adormecer! Pessoas como vocês é extremamente importante manter por perto - ao vivo e a cores, como num sonho...!”

Beijos, no coração das três!!!

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Sonhos e Vontades. Uma casa e um amor...

Tenho tido vontades e vontades, sonhos e sonhos...
Entre todos: um cantinho completo e não em pedaços como tem sido minha vida...
Hoje em resumo, tenho pedaços de mim espalhados por toda à parte, mas nada é exato! Eu não sou assim... sonho e preciso de uma vida normal! Sem partes nem divisão! Que seja inteira, algo que identifique como e o que de fato eu sou!
Queria uma casa com varandas para sonhar, com cantinhos para chorar e com flores para alegrar. Com uma sala para receber e rir com os amigos e com quartos para se guardar os segredos...
Queria um amor livre, que voasse bem alto junto comigo, na mesma direção, mesmo que com suas próprias asas... Um amor com liberdade para ir e voltar, que respeitasse o espaço de cada um, que sacudisse a poeira e tocasse em frente entre os atropelos do vento!
Um amor que não fosse tão tranqüilo... um desassossego qualquer não há de se fazer mal... o dom de surpreender, amar cada qual com a sua própria essência, há de ser gratificante!

Há de ser... há de existir...

Sinto muito...

Sinto muito... e como sinto!
Dói a alma. A cabeça e o corpo tambem!
As vezes gostaria de ter aprendido a ter mais paciência comigo, com as pessoas e com o Tempo! Não tenho um pingo se quer com o Mundo, com o Nada....
Explode e daí dói!
Dói menos do que se não o tivesse feito, mas ainda assim dói muito...
Não gosto de ter essa sensação, me sentir esgotada, irritada, ...
Mas me sinto assim!
Cansei de ser contrariada , só isso!
Pq as coisas são assim?
Pq devem ser assim??
Pra que sentir tanta dor???

Vazio...

Hoje recebi um e-mail da minha amiga S.Moretti, com o texto: “O princípio do vazio” de Joseph Newton. A verdade é que nem imagino quem seja o autor, mas me identifiquei muito com esse texto!
Há anos que tento arrumar e eliminar coisas desnecessárias do meu guarda roupa, do meu mundo. Porém, o máximo que tenho alcançado é fechar as gavetas com muitos assuntos pendentes ainda por se resolver; enquanto deveria desfazer de papéis acumulados, contas pagas, organizar mesmo a bagunça... Têm sido em vão! O que tenho feito é bagunçar e acumular tudo ainda mais! Tem sido dificílimo deixar as coisas em ordem... tanto os exemplos citados, como também aquietar essa sensação que vira, mexe e remexe aqui dentro de mim! Sacode tudo e no entanto as coisas continuam na mesma... com as mesmas pendências e o mesmo acumulo de coisas e sentimentos inúteis! Não tenho conseguido criar espaço para coisas e sentimentos novos!
Hoje estou triste... tristeza sem causa ou com acumulo de causas é ainda pior, fica mais evidente o 'cheio do vazio' dentro da gente...
Esse texto fez com que eu repensasse sobre essa necessidade, e colocasse em evidência na relação das minhas metas pendentes: É chegada a hora de dar a volta e embrulhar algumas memórias em papel de seda, ou então embrulhar a saudade do passado pra presente e doar!
É passada da hora de abrir espaço para o futuro chegar, para o mundo girar... e sossegar a dor!

Texto: "O Principio do Vazio"
Tens o hábito de juntar objectos inúteis neste momento, crendo que um dia (não sabes quando) poderás precisar deles?
Tens o hábito de juntar dinheiro só para não o gastar, pois pensas que no futuro poderá fazer falta?
Tens o hábito de guardar roupa, brinquedos, sapatos, movéis, utensílios domésticos e outras coisas que já não usas há bastante tempo?
...E dentro de ti ?...
Tens o hábito de guardar o que sentes, broncas, ressentimentos, tristezas, medos, pessoas, etc?
Não faças isso! É anti-prosperidade.
É preciso criar um espaço, um vazio, para que as coisas novas cheguem à tua vida.
É preciso eliminar o que é inútil em ti e na tua vida, para que a prosperidade venha.
É a força desse vazio que absorberá e atrairá tudo o que tu desejas.
Enquanto estiveres material ou emocionalmente carregado de coisas velhas e inúteis, não haverá espaço aberto para novas oportunidades.
Os bens precisam de circular...
Limpa as gavetas, os armários, o teu quarto, a garagem.
Dá o que tu já não usas.
A atitude de guardar um montão de coisas inúteis amarra a tua vida.
Não são os objectos guardados que param a tua vida, mas o significado da atitude de guardar. Quando se guarda, considera-se a possibilidade de falta, de carência. É acreditar que amanhã poderá faltar e tu não terás meios de prover às tuas necessidades. Com essa postura, tu estás a enviar duas mensagens para o teu cérebro e para a tua vida:
1º... tu não confias no amanhã
2º... tu crês que o novo o melhor NÃO são para ti, já que te alegras com guardar coisas velhas e inúteis.
(Joseph Newton)

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

"Meu bem, Meu mal" (p/ o Bizuguinho)

Dedico essa música para o "Bizugo" mais lindo de todos!!!
Meu "Cururu" predileto!!!
Meu porto seguro...
É com Ele que divido as minhas neuras...




Gal Costa : Meu bem meu mal
Letra e música: Caetano Veloso

Você é o meu caminho
meu vinho, meu vício
desde o início estava você
meu bálsamo benigno
meu signo, meu guru
Porto Seguro onde eu vou ter
meu mar e minha mãe
meu medo e meu champanhe
visão do espaço sideral
onde o que eu sou se afoga
meu fumo e minha ioga
você é minha droga
paixão e carnaval
meu zen, meu bem, meu mal
meu zen, meu bem, meu mal

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

A vida é curta, quebre regras, perdoe rapidamente, beije lentamente, ame de verdade, ria descontrolavelmente, e nunca pare de sorrir, por mais estranho que seja o motivo.
E lembre-se que não há prazer sem riscos.
A vida pode não ser a festa que esperávamos, mas uma vez que estamos aqui, temos que comemorar!!!


Aprecie....

SEM MODERAÇÃO!

PS: (autor desconhecido)

"Apaixona-se" (autor desconhecido)


Apaixone-se definitivamente pelo SEU sonho
(o sonho de ninguém deve ser mais apaixonante que o seu).
Apaixone-se por sua família
(mesmo que ela não seja do jeito que você planejou, ainda assim, ela é a sua família).
Apaixone-se pelo SEU talento
(mesmo que seu lado crítico insista para você escolher realizar outras coisas, mais "convenientes").
Apaixone-se mais pela viagem do que pela chegada a seu destino
(a primeira é garantida).
Apaixone-se pelo SEU corpo
(mesmo que ele esteja fora de forma, pois de "qualquer forma" ele é a única casa que você realmente possui).
Apaixone-se pelas suas memórias mais deliciosas
(ninguém pode tirá-las de dentro de você e elas são excelentes fontes de inspiração em momentos de dor).
Apaixone-se por aquelas besteiras saudáveis que passam por sua mente entre um e outro momento de estresse
(elas ajudam a sobreviver!).
Apaixone-se pelas pessoas que estão ao seu lado na caminhada do dia-a-dia
(a pessoa certa é aquela que está definitivamente do seu lado).
Apaixone-se pelo sol
(ele é fiel, gratuito, absolutamente disponível e dá prazer).
Apaixone-se por alguém
(não espere alguém se apaixonar antes por você, só por garantia e segurança).
Apaixone-se pelo SEU projeto de vida
(acredite, a vida é só sua!).
Apaixone-se pela dança da vida, que está sempre em movimento dentro da gente, mas que, por defesas nós teimamos em aprisionar.
Apaixone-se mais pelo significado das coisas que você conquistar do que pelo seu valor material.
Apaixone-se por SUAS idéias
(mesmo que tenham dito que elas não serviam pra nada).
Apaixone-se por SEUS pontos fortes
(mesmo que os pontos fracos insistam em ficar em alto relevo no seu cérebro).
Apaixone-se pela idéia de ser verdadeiramente feliz
(felicidade encontra-se de sobra nas prateleiras de seus recursos interiores).
Apaixone-se pela música que você pode ser para alguém...
Apaixone-se por SER HUMANO!
Apaixone-se definitivamente por VOCÊ!

APAIXONE-SE RÁPIDO! O PODER DE DECISÃO SÓ PERTENCE A VOCÊ!
(Autor desconhecido)

20 CONSELHOS de HARVARD

Recebi este e-mail e resolvi postar aqui... não pela vontade de segui-lo ao pé da letra para alcançar o perfeccionismo, mas por acreditar que se entre esses 20 itens ao menos 10 eu conseguir manter diariamente fará com que eu viva melhor...


"20 CONSELHOS de HARVARD"

As universidades de Harvard e Cambridge publicaram recentemente um compêndio com 20 conselhos saudáveis para melhorar a qualidade de vida de forma prática e habitual !!

1- Um Copo de Suco de Laranja diariamente para aumentar o Ferro e repor a vitamina C.
2- Salpicar Canela no café (mantém baixo o colesterol e estáveis OS níveis de açúcar no sangue).
3- Trocar o pãozinho tradicional pelo pão integral que tem quase 4 vezes mais fibra , 3 vezes mais zinco e quase 2 vezes mais Ferro que tem o pão branco.
4- Mastigar OS vegetais por mais tempo.
Isto aumenta a quantidade de químicos anticancerígenos liberados no corpo. Mastigar libera sinigrina . E quanto menos se cozinham OS vegetais, melhor efeito preventivo têm .
5- Adotar a regra dos 80%: servir-se menos 20% DA comida que IA ingerir evita transtornos gastrintestinais, prolonga a vida e reduz o risco de diabetes e ataques de coração.
6- O futuro está na Laranja , que reduz em 30% o risco de câncer de pulmão .
7- Fazer refeições coloridas como o arco-íris . Comer uma variedade de vermelho , laranja , amarelo , Verde , roxo e branco em frutas e vegetais , cria uma melhor mistura de antioxidantes , vitaminas e minerais .
8- Comer pizza . Mas escolha as de massa fininha .
O Licopene , um antioxidante dos tomates pode inibir e ainda reverter o crescimento dos tumores ; e ademais é melhor absorvido pelo corpo quando OS tomates estão em molhos para massas ou para pizza.
9- Limpar sua escova de dentes e trocá-la regularmente .
As escovas podem espalhar gripes e resfriados e outros germes. Assim, é recomendado lavá-Las com água quente pelo menos quatro vezes à semana (aproveite o banho no chuveiro), sobretudo após doenças quando devem ser mantidas separadas de outras escovas.
10- Realizar atividades que estimulem a mente e fortaleçam sua memória...
Faça alguns testes ou quebra-cabeças, palavras-cruzadas , aprenda um idioma, alguma habilidade nova... Leia um livro e memorize parágrafos .
11- Usar fio dental e não mastigar chicletes .
Acreditem ou não, uma pesquisa deu como resultado que as pessoas que mastigam chicletes têm mais possibilidade de sofrer de arteriosclerose , pois tem OS vasos sanguíneos mais estreitos, o que pode preceder a um ataque do coração. Usar fio dental pode acrescentar seis anos a sua idade biológica porque remove as bactérias que atacam aos dentes e o corpo.
12- RIR.

Uma boa gargalhada é um ' mini-workout ', um pequeno exercício físico: 100 a 200 gargalhadas equivalem a 10 minutos de corrida. Baixa o estresse e acorda células naturais de defesa e OS anticorpos .
13- Não descascar com antecipação .
Os vegetais ou frutas, sempre frescos, devem ser cortados e descascados na hora em que forem consumidos. Isso aumenta OS níveis de nutrientes contra o câncer..
14- Ligar para seus parentes/pais de vez em quando.
Um estudo DA Faculdade de Medicina de Harvard concluiu que 91% das pessoas que não mantém um laço afetivo com seus entes queridos, particularmente com a mãe, desenvolvem alta pressão, alcoolismo ou doenças cardíacas em idade temporã.
15- Desfrutar de uma xícara de chá.
O chá comum contém menos níveis de antioxidantes que o chá Verde, e beber só uma xícara diária desta infusão diminui o risco de doenças coronárias. Cientistas israelenses também concluíram que beber chá aumenta a sobrevida depois de ataques ao coração .
16- Ter um animal de estimação .
As pessoas que não têm animais domésticos sofrem mais de estresse e visitam o médico regularmente, dizem OS cientistas DA Cambridge University . Os mascotes fazem você sentir se otimista, relaxado e isso baixa a pressão do sangue. Os cães são OS melhores , mas até um peixinho dourados pode causar um bom resultado.
17- Colocar tomate ou verdura frescas no sanduíche .
Uma porção de tomate por dia baixa o risco de doença coronária em 30% , segundo cientistas DA Harvard Medical School .
18- Reorganizar a geladeira.
As verduras em qualquer lugar de sua geladeira perdem substâncias nutritivas , porque a luz artificial do equipamento destrói OS flavonóides que combatem o câncer que todo vegetal tem. Por isso é melhor usar á área reservada a ela, aquela caixa bem embaixo.
19- Comer como um passarinho .
A semente de girassol e as sementes de sésamo nas saladas e cereais são nutrientes e antioxidantes . E comer nozes entre as refeições reduz o risco de diabetes .
20- e, por último, um mix de Pequenas Dicas para alongar a vida :
-Comer chocolate.
Duas barras por semana estendem um ano a vida. O amargo é fonte de Ferro, magnésio e potássio.
- Pensar positivamente.
Pessoas otimistas podem viver até 12 anos mais que OS pessimistas, que ademais pegam gripes e resfriados mais facilmente.
- Ser sociável.
Pessoas com fortes laços sociais ou redes de amigos têm vidas mais saudáveis que as pessoas solitárias ou que só têm contato com a família.
- Conhecer a si mesmo.
Os verdadeiros crentes e aqueles que priorizam o 'ser' sobre o 'ter' têm 35% de probabilidade de viver mais tempo.

Uma vez incorporados, os conselhos, facilmente tornam-se hábitos...
É exatamente o que diz uma certa frase de Sêneca:
'Escolha a melhor forma de viver e o costume a tornará agradável'!

"Técnica milenar para acabar com gordurinhas"

Muito bom!!!! kkkkkkkk
Tô pensando seriamente....


quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Paz, Amor e Axé!!! (Música Mantra - Nando Reis)


Desde a primeira vez que ouvi a música “Mantra” de Nando Reis, me apaixonei por ela.
Me transmite uma paz tão grande, que nos dias por demais agitados costumo ouvi-la repetidas vezes seqüenciais...
A impressão que dá é que ela funciona como uma injeção de ânimo! Sensação de poder acreditar mais nas pessoas, na sociedade, no Brasil e no mundo inteiro! Pra tudo ainda haverá uma forma... Faz-me abrir os olhos, mente, coração e consciência.

Por exemplo, muitas pessoas após um dia cansativo, estressado e corrido no trabalho, chegam em casa e aperta um botãozinho mágico na TV e então surge um “mundo” de coisas ruins! Tele jornal ao meu ver dá um tremendo baixo astral!
Quando não o jornal, uma novelinha básica, sempre há de ter um “diabinho” pra infernizar a vida de alguém... (é sempre assim!).
Sei que a ficção é cópia da vida real... mas eu, já sei das dificuldades do dia a dia aqui na minha realidade mesmo, onde a lei da sobrevivência (para algumas pessoas) é atropelar e passar por cima de alguém a qualquer custo, dizem ainda: ‘é a lei da vida’ ... mas será que deve ser assim mesmo? Qual é a lei, de onde veio e como surgiu? Pior onde localiza-la? Não me lembro de nenhum político ter dado essa sanção... ao menos não diretamente...
Bom eu particularmente prefiro mesmo é um conto de fadas, onde tudo é sempre belo e todo o mundo têm final feliz - só acho que esse fim deveria ser diariamente – final de todos os dias - e não somente no último capítulo como geralmente acontece!
Tudo bem assistir TV (que seja) para se atualizar sobre os acontecimentos... mas daí assistir um conjunto de notícias ruins: violência, morte, roubo, estupro, falência, brigas, drogas, seqüestro e tudo mais incluindo a troca de elogios que vira e mexe ainda se tem entre nossos excelentes representantes políticos "ao vivo e a cores" é uma carga pra lá de negativa. E contudo, depois dessa carga, almejar uma tranqüila noite de sono... não acho muito "combinativo" (existe essa palavra?), ou é??? Acho que é um tremendo erro (pior do que meu português)! As pessoas começam a enxergar tudo como "muito normal", o mundo se acabando e já não se abalam mais com nada, ou então imaginam que tudo é muito distante, quando na verdade infelizmente é tudo muito mais próximo do que imaginamos... está tudo em nossa cara e não apenas na TV, e ainda assim não enxergamos... Assistem na TV a realidade do mundo e após algumas horas deitam-se, dormem e roncam bem alto, como se nada tivesse acontecido... alguns até sonham... Como pode??? Sei lá! É tudo muito estranho!!! Uma des-importância adotada pelo povo sem perceber!
Quero dizer que hoje graças à tecnologia existem outros meios para se manter informado sobre o mundo: jornais, revistas, internet, enfim... e pode ser em outras horas do dia, mas TV para mim deveria ser diversão, principalmente no horário noturno. Tipo seria a resposta para a seguinte questão: 'O que gosta de fazer nas horas vagas?'... e a resposta seria: ‘Assistir á um programa de TV para rir e exercitar os músculos’, isso seria mais construtivo á noite, pois estamos voltando de uma guerra! Já enfrentamos durante todo o decorrer do dia nossas preocupações, dificuldades, encrencas, cara feia, trânsito, transporte público (nem se fala), engolimos vários sapos sem nenhuma digestão, pois afinal para se ganhar uns trocos uma ou duas vezes no mês é extremamente difícil... mas enfim... gosto é gosto e realmente não se discute! Isso não é questionável! E também não é sobre o tele jornal da TV que quero escrever aqui... Nem perderia tanto tempo com isso... mas esse conjunto de coisas ruins que passa todos os dias na TV de casa, não trago para a minha realidade, principalmente depois de um dia tenso de trabalho...
Sei que de fato elas existem; mas creio ser mais produtivo pensar em como fazer a minha parte para MUDAR O MUNDO... Talvez possa começar mudando o meu mundo...

E pensando em mudar por mim, ouço essa música e vejo uma série de pessoas com a consciência e o coração realmente adormecidos, congelados...
É tanta dor que há nesse mundo. Dói da alma até ao corpo material...
Pessoas matam por nada ou então por matéria! Pra que?
Essa música me faz pensar... brota uma esperança em mim: "Quando as pessoas se conscientizarem, e passarem a não levantar a voz (espada) e nem se esconder (escudo)... haverá mais amor em forma e conteúdo!!!" ...

Paz, Amor e Axé á todo o MUNDO!

Música: A lista (Oswaldo Montenegro)

Essa música é excelente!!!

Mostra exatamente as mudanças que temos em nossas vidas...
Por isso que devemos aproveitar cada segundo... O futuro é agora!
E o mais legal é a capacidade que cada um têm para compor a sua própria canção...


A Lista

Faça uma lista de grandes amigos,
quem você mais via há dez anos atrás...
Quantos você ainda vê todo dia ?
Quantos você já não encontra mais?
Faça uma lista dos sonhos que tinha...
Quantos você desistiu de sonhar?
Quantos amores jurados pra sempre...
Quantos você conseguiu preservar?
Onde você ainda se reconhece,
na foto passada ou no espelho de agora?
Hoje é do jeito que achou que seria?
Quantos amigos você jogou fora...
Quantos mistérios que você sondava,
quantos você conseguiu entender?
Quantos defeitos sanados com o tempo,
era o melhor que havia em você?
Quantas mentiras você condenava,
quantas você teve que cometer ?
Quantas canções que você não cantava,
hoje assobia pra sobreviver ...
Quantos segredos que você guardava,
hoje são bobos ninguém quer saber ...
Quantas pessoas que você amava,
hoje acredita que amam você?


Aos filhos de Escorpião (Oswaldo Montenegro)


Aos Filhos de Escorpião
Composição: Oswaldo Montenegro
"É o reino da força
vermelho é a cor do teu coração
ferro em brasa na casa da morte
é o escorpião
a força criadora que habita o mundoo animal da auto-regeneração
o homem que renova, signo fecundo
o fim planta o início
é a transmutação
cabala do grande sinal
cabala da força do..."

terça-feira, 1 de setembro de 2009

"Escrito por Regina Brett, aos 90 anos"

Belo texto!!!!
Realmente a vida é um presente...


"Para celebrar o envelhecer, uma vez eu escrevi 45 lições que a vida me ensinou. É a coluna mais requisitada que eu já escrevi. Meu taximetro chegou aos 90 em Agosto, então aqui está a coluna mais uma vez:

1. A vida não é justa, mas ainda é boa.
2. Quando estiver em dúvida, apenas dê o próximo pequeno passo.
3. A vida é muito curta para perdermos tempo odiando alguém.
4. Seu trabalho não vai cuidar de você quando você adoecer. Seus amigos e seus pais vão. Mantenha contato.
5. Pague suas faturas de cartão de crédito todo mês.
6. Você não tem que vencer todo argumento. Concorde para descordar.
7. Chore com alguém. É mais curador do que chorar sozinho.
8. Está tudo bem em ficar bravo com Deus. Ele aguenta.
9. Poupe para aposentadoria começando com seu primeiro salário.
10. Quando se trata de chocolate, resistência é em vão
11. Sele a paz com seu passado para que ele não estrague seu presente.
12. Está tudo bem em seus filhos te verem chorar.
13. Não compare sua vida com a dos outros. Você não tem ideia do que se trata a jornada deles.
14. Se um relacionamento tem que ser um segredo, você não deveria estar nele.
15 Tudo pode mudar num piscar de olhos; mas não se preocupe, Deus nunca pisca.
16. Respire bem fundo. Isso acalma a mente.
17. Se desfaça de tudo que não é útil, bonito e prazeiroso.
18. O que não te mata, realmente te torna mais forte.
19. Nunca é tarde demais para se ter uma infância feliz. Mas a segunda só depende de vocÊ e mais ninguém.
20. Quando se trata de ir atrás do que você ama na vida, não aceite não como resposta.
21. Acenda velas, coloque os lençóis bonitos, use a lingerie elegante. Não guarde para uma ocasião especial. Hoje é especial.
22. Se prepare bastante, depois deixe-se levar pela maré...
23. Seja excêntrico agora, não espere ficar velho para usar roxo.
24. O órgão sexual mais importante é o cérebro.
25. Ninguém é responsável pela sua felicidade além de você.
26. Encare cada "chamado desastre" com essas palavras: Em cinco anos, vai importar?
27. Sempre escolha a vida.
28. Perdoe tudo de todos.
29. O que outras pessoas pensam de você não é da sua conta.
30. O tempo cura quase tudo. Dê tempo.
31. Indepedentemente se a situação é boa ou ruim, irá mudar.
32. Não se leve tão à sério. Ninguém mais leva...
33. Acredite em milagres.
34. Deus te ama por causa de quem Deus é, não pelo o que vc fez ou deixou de fazer.
35. Não faça auditoria de sua vida. Apareça e faça o melhor dela AGORA!
36. Envelhecer é melhor do que a alternativa: morrer jovem.
37. Seus filhos só têm uma infância.
38. Tudo o que realmente importa no final é que você amou.
39. Vá para a rua todo dia. Milagres estão esperando em todos os lugares.
40. Se todos jogassemos nossos problemas em uma pilha e víssemos os de todo mundo, pegaríamos os nossos de volta.
41. Inveja é perda de tempo. Você já tem tudo o que precisa.
42. O melhor está por vir.
43. Não importa como vc se sinta, levante, se vista e apareça.
44. Produza.
45. A vida não vem embrulhada em um laço, mas ainda é um presente!!!"